domingo, 2 de setembro de 2007



Abaixo lembrada e gabada uma determinada voz rouca, dita unica la no bairro, aqui fica memoria de respectivo alter ego: Patti Labelle, verdadeira heroina do Live Aid.

5 comentários:

blue disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
a rapariga que vinha da província disse...

aguarda-se com impaciência o super 8 que o maracangalha prometeu. isto é, quando o rapaz voltar lá da terra dos mouros...

Beira disse...

...e eu que pensava que o verdadeiro herói do Live Aid tinha sido o Bob Dylan (acompanhado por Woody n' Keef!).
;-))

bolama disse...

dylan, kiff e o outro foram os nossos herois. para alguma outra foi esta mesmo

Anónimo disse...

eu ainda não consegui deixar de sorrir....mas voltarei. Beijinhos Patrícia