terça-feira, 11 de setembro de 2007


5 comentários:

Teresa disse...

Olha que coisa gira, andar por aqui e reconhecer as vossas caras todas e perceber tão bem QUASE tudo o que se diz por aqui!!!!

Não sei se se lembram de mim, a irmã caçula Castilho!
Também não importa, eu lembro-me e gostei de vos ver... estive o resto da tarde a rir-me! vou repetir sem dúvida, a saudade bateu! Que tempos tão giros, que gente tão gira.

Beijos gigantes

Fulacunda disse...

olha a Teresinha !!!

"que gente tão gira"? também não é preciso exagerares tanto!

beijos aqui do amigo do teu irmão lá das moradias que tinha uma data de irmãos e albufeira/oura e tal, acho que já percebeste ...(tem de ser assim que isto aqui é a fingir que é anónimo, senão dizia logo que era o Zé Francisco, mas não posso)

bafatá disse...

Teresinha ? Zé Francisco ??? Mau ... queres ver que ainda descobrem a minha identidade neste esconderijo de secretas identidades , saudades e paixão por aquela terra de farwest que foi e é a NOSSA vida ?

PS: Gente gira ??? Wowwww, também quero ver .... mas onde ??

benguela disse...

olha a Teresinha !!!

Teresa disse...

Epá!
Que boas saudações!
Não era gente gira??????, era sim! Nós as miudas mais novas, achávamos que vocês eram o máximo... eu tinha um status especial porque o meu irmão era vosso amigo, isto conferia-me alguns poderes e uma aura muito especial!! eheheh!!!

Ontem, ainda com os vapores do blog, fui para casa dos meus Pais procurar as minhas fotos "antigas" do verão onde estão alguns de vocês, tiradas com uma máquina que os meus Pais me tinham dado no fim da ano lectivo (não sei porque foi semelhante presente, eu portava-me sempre tão mal - talvez fosse um incentivo)...
Não encontrei essas nem umas muita giras, da gravação do teledisco dos Radar, nas docas quando eram docas.
Quando as encontrar, mando-vos.

Beijos grandes