quinta-feira, 22 de novembro de 2007

Farol Museu de Santa Marta inaugura amanhã





Uma das obras de promoção pública mais destacada no núcleo Cascais XXI no âmbito da Trienal de Arquitectura de Lisboa, o Farol Museu de Santa Marta, vai finalmente transformar-se num equipamento de referência no perímetro cultural da Vila de Cascais.

Situado junto à Casa de Santa Maria, projectada por Raul Lino no início do séc.. XX, o Farol Museu de Santa Marta integra-se no perímetro constituído pela Cidadela, Museu Castro Guimarães, Centro Cultural de Cascais, Fortaleza de Nossa Senhora da Luz, Museu do Mar e Casa Henrique Sommer (futuro Arquivo Histórico Municipal).

Com projecto da autoria de Francisco Aires Mateus e Manuel Aires Mateus, o Farol Museu de Santa Marta nasce a partir de uma parceria entre a Câmara Municipal de Cascais e o Estado Maior da Armada Portuguesa. As obras de recuperação e adaptação às novas funções tiveram início em 2006, promovendo a adaptação do Forte e Farol de Santa Marta a espaço de cultura e lazer, mas mantendo as suas funções de sinalização costeira.

8 comentários:

benguela disse...

Tá bem visto, um farol para ajudar na advinha de baixo...

Qual é a coisa,
qual é ela,
que tem barriga de vidro
e tripas de ferro?

bonanza disse...

estão, portanto, a dar à luz

Fulacunda disse...

não fosse o caso de se confundir o ferro com metais/ligas mais generosas e eu diria que era o relógio. posso levar o livro do xai ou vcs não trabalham em equipa?

(assim com esse nome que remonta à aristocracia alentejana não estou a ver quem possam ser os manos, mas se alguem os conhecer digam-lhes que eu tenho uma casa do séc. XIX a cair de velha que não me importo nada de emprestar para as suas experiências arquitectónicas)

redjan disse...

Olivais em Cascais ... portanto !!

bafatá disse...

Red quê ?????

Mau .... acho que esse daí de cima roubou-me o comment ..

bafatá disse...

Comunicação de não presença :-(((
no post do Opíparo, por motivos de índole laboral!

:-(((((((((((

Xai Xai disse...

homenagem ao ofício de faroleiro, que são aqueles gajos que ficam atrás das dunas a farolar o(a) zé banhista em pelota...
agora a sério, ou à séria como está na moda dizer: espero que seja mais uma obra "arquitectura de referência".

Timor disse...

Por acaso são timorenses. Visitei o farol e museu em Agosto. Ou a notícia é antiga ou só agora terão pensado na inauguração - haverá eleições?