sexta-feira, 30 de novembro de 2007

dos olivais a oeiras ...

... passa-se por vila franca ?

29 comentários:

Lobita disse...

sem dúvida nenhuma, fica mesmo, mesmo em caminho.

Lobita disse...

Se fores com atenção à estrada é mesmo depois da placa que diz Nazaré.

bafatá disse...

mini wolf lady : era um modo subrepticio de publicitar uma iniciativa de um amigo , mas fico a saber do trajeto então...

Fulacunda disse...

um olivalense portanto (?)

Vila Pery disse...

Bafatá, fica já ali a seguir... a Lobita decerto estava a gozar! Espero por ti amanhã, ouviste?

bafatá disse...

fula: no caso um ... vilafranquense, porém grande amigo de respeitado Coronel do nosso burgo, lido já por alguns dos membros desta secreta seita e que vivos ficaram... José Ceitil de seu nome, o personagem que humildemente puxei às mui nobre e dignas páginas do Olivesaria !
Terei cometido algum pecadilho ?

pery: esperas-me onde ? no Estádio da Luz ou ... mais tarde na festa ??

Vila Pery disse...

Qual estádio da Luz, qual quê, mas algum dia eu metia dentro dessa coisa horrorosa??? Mais tarde na festarola...

Xai Xai disse...

fula: dos olivais, mesmo dos olivais, é este espírito solidário de fazer tudo por um amigo. Incluindo, subverter o "livro de estilo" como o bafatas faz neste caso e que deverá merecer a nossa compreensão.

[que filigrana...]

Xai Xai disse...

hoje senti falta:

...do benguela.

Esteve pouco activo.

bafatá disse...

xai e xai outra vez: obrigado pela compreensão e beneplácito ...

fula: e se enviasses contacto daqueles telefones que hoje se usam para redjan@gmail.com , boa ideia ?

Largo das Mamas disse...

Por falar em livros, amanhã dia 1 de Dezembro, faz 12 anos que nos
abandonou Assis Pacheco.
Esse sim, uma Oliveira durante muitos anos.

João Belo disse...

Boa Largo das Mamas. O Assis Pacheco era filigrana pura. E por curiosidade, quando, a propósito daquele jornal em que entrevistávamos o Sam, a primeira pessoa que, no O Jornal, o Afonso Praça - nosso professor de jornalismo - foi chamar para ver as proezas dos seus alunos foi o seu amigo Fernando Assis Pacheco que se tornou logo ali amigo do nosso jornal sobre os Olivais. Homem de boa memória, poeta raro, ainda bem que o lembraste.

Anónimo disse...

Festarola... onde é? quando?

Anónimo disse...

Realmente...como é triste ver...que ser generoso ou ter uma atitude nobre em relação a quem não conhecemos... por uma boa causa...um simples help a alguém que precisa e merece tanto quanto qualquer outro aqui referido... deixou de existir...ninguém se move... para a apoiar quem quer que seja...Livros quem quer saber...enchem-se estádios de futebol,tempo para festarolas nunca falta, dias inteiros passados em centros comerciais...
Grandes atitudes são raras...Os factos demonstram a nossa realidade cultural...L.F.

Fulacunda disse...

anónimo, não creio que algum escritor queira que a sua obra sobreviva à custa da caridade ou solidariedade do outros, acho mesmo que isso será a maior afronta que se lhe poderá fazer.

quanto ao resto, bem, não generalizemos. eu por exemplo gosto muito de festarolas mas nos estádios de futebol é que não me apanham.

Anónimo disse...

Mas qual solidariedade, Fula... este gajo por acaso precisa disso?
Muito menos de caridade, o que quero dizer é que o desinteresse geral que vejo nas pessoas quando se fala nestes assuntos é revelador
da nossa 'falo no geral' realidade cultural.. sobejamente conhecido...
Afronta é deixar passar ao lado estes bons momentos...L.F.

benguela disse...

Bute aí a Lanzarote ver a exposição do Saramago?
A montanha não vem cá vamos nós lá.

Anónimo disse...

Bom livro!Vou comprimentar José Ceitil, ao Oeiras Park!

Xai Xai disse...

Saramago? Exposição? Só se for naquela última exposição que temos na vida. Aquela em que aparecem as nossas "viúvas"...

J.Saramago disse...

Chamaram-me? Encontraram o saco das vírgulas?

Fulacunda disse...

... enfim também gosto de saramago admiro particularmente o seu jeito de escrita corrida ainda no outro dia ao ler um belo paragrafo dele dei comigo em dramática apeneia pois não encontrava vírgula nem ponto para respirar o que me valeu foi que o livro era pequeno e consegui-lhe chegar ao fim antes de cair fulminado por insuficiencia respiratoria mas a sério que gosto muito do saramago talvez o considere o mais extraordinário e dotado escritor da actualidade além de que tem aquela capacidade de deixar que o leitor intervenha na narração ao ter de optar por uma virgula aqui e outra ali a menos que tenha uma boa apneia claro mas em geral os desportistas não lêm saramago nem sequer lêm pois trata-se da mesma realidade cultural que acima refere o LF embora com virgulas e eu agora até ficava aqui a explicar porque acho que as virgulas são um artifício do escritor inseguro mas acontece que tenho um enfizema pulmonar ainda coisa pequena mas que me impede de folgar muito a capacidade respiratoria e depois claro a visão fica-se-me turva e eu deixo de conseguir ver as letras além de que já estou para aqui todo vermelho e o pessoal começa a olhar para mim de forma preocupada de forma que ... ai ... tenho de ir ... e viva vila franca então e desculpem as reticencias mas eu ando com um problema enorme de insegurança e mau feitio diz a timor e enfim talvez alguns outros ... ai que me falta o ar

Fulacunda disse...

desculpem-me esqueci-me de deixar o ponto final pinckkk "."

benguela disse...

Oliveira Zaramago Olé

Xai Xai disse...

Fula: deixaste-me a mesa toda suja de vírgulas...

Fulacunda disse...

ora. constrói um parentesis e esconde-as!

Anónimo disse...

Fula a ti prefiro mandar beijos lembro do teu post... as virgulas oferecemos ao Saramago e as reticencias é quando a pessoa quer dizer mais mas 'não tem tempo,já viste o edredon que ficava em muitas das ocasiões'?...ehehehe!

Fulacunda disse...

anónima (a presunção do género tem a ver obviamente com o meu formalismo social) prometo que entregarei os beijos lá no post, embora não possa prometer que algum não se perca pelo caminho, enfim, tantos anos de caminho ... (só para evitar o edredon)

Fulacunda disse...

(e anónima, achei aquela vírgula no teu comentário um exagero na pausa)

Anónimo disse...

Naaa,na...os beijos são só para ti!
Pois, já percebi o teu for.soc... Comigo não, pois não? A virgula achei melhor ír pelo seguro deixaste-me preocupada com o teu enfizema pulmonar. Bons Sonhos!